A essência do ser DOBE

Como uma gota de água, a DOBE é simples, natural e peculiar. Somos uma marca de peças básicas, de alta qualidade, com responsabilidade socioambiental, pois acreditamos em um presente e um futuro mais sustentável.

Ser DOBE é simplificar a vida por meio do minimalismo brasileiro. E por mais que o termo minimalismo pareça paradoxal no Brasil que vivemos, acreditamos em um viver mais simples, onde menos é mais.

Nossa existência como marca também é guiada pela filosofia de Napoleon Hill: a PMA – positive mental attitude (atitude mental positiva). Esse conceito diz que uma disposição otimista em todas as situações da vida atrai mudanças positivas e aumenta realizações. 

Tal forma de pensar e agir está presente no nosso dia a dia, e um dos seus principais resultados é termos um atendimento assertivo e eficiente em nossa loja física e online. 

Por isso, nossa intenção é proporcionar uma experiência de consumo minimalista, porém integrada. O nosso espaço físico, em Brasília, foi pensado em uma experiência que vai além das roupas que vendemos. Na DOBE, o foco não é vender, é viver.

Somos uma tribo com propósitos alinhados, uma comunidade que é agente de transformação no mundo. Viver e pertencer. Isso é DOBE. 

Conheça mais sobre nós pelo Instagram e pertença à nossa comunidade!

De onde veio o nome DOBE?


Relembrar de onde viemos é revisitar a nossa essência. Nós da DOBE acreditamos em uma construção onde todas as nossas ações se conectam e transmitem essa essência do ser DOBE.

Isso não poderia ter sido diferente no momento em que decidimos criar o nome da marca. Antes da escolha deste nome, pensamos muito em quais eram o nosso propósito, impacto e diferencial. Saímos com três palavras-chaves que são guias em tudo o que fazemos: simplicidade, naturalidade e peculiaridade.

Somos simples, porque acreditamos em roupas básicas que conversam com todas as situações do dia a dia. Somos naturais por entendermos o nosso papel socioambiental como empresa, e peculiares por só produzirmos peças de cores neutras. 

O que mais seria tão simples, natural e peculiar? Uma gota, símbolo da nossa marca. Uma gota por si só, é simples, porque todos sabem o que é uma gota. É natural, pois é feita de água e é peculiar uma vez que sua forma é definida pelas interações do hidrogênio e oxigênio. 

A formação de uma gota vem de um elemento básico para a sobrevivência humana. Fazendo um paralelo com a moda, a roupa é um elemento básico para a nossa sobrevivência na sociedade. Ou seja, precisamos usar roupas todos os dias. 

A palavra DOBE é a tradução do termo gota na língua igbo, falada em regiões do sul da Nigéria. Curiosamente, também é a união dos verbos em inglês DO (fazer) com o verbo BE (ser), e nos dias atuais isso nunca fez tanto sentido. Somos agentes de transformação na sociedade em que vivemos. Juntos para construir um novo propósito. 

Simples, natural e peculiar. Como a DOBE deve ser.  

Desejos para a década

Resoluções para um novo ano ou, melhor ainda, para uma nova década. É agora o momento de parar e refletir: o que podemos fazer em dez anos? Quais são as mudanças necessárias e como podemos contribuir? O que deve permanecer e podemos ajudar a manter?

As questões ambientais são, sem dúvida alguma, o grande impasse da década. Precisamos repensar nossa forma de consumo e como nossas ações e escolhas do dia a dia afetam a natureza. É necessário cobrar políticas públicas que sejam efetivas para preservação ambiental e animal, para a coleta seletiva nos centros urbanos, para o uso de energias renováveis, entre outras. 

É urgente também repensar o nosso papel enquanto sociedade, enquanto um “todo”. Olhar para o lado, ter mais empatia, pensar menos no “eu”. A sensação de hiperconectividade que a internet e as redes sociais nos trouxe está, na realidade, afastando as pessoas. A tecnologia que nos permitiu um mundo de informação é responsável pela criação de bolhas, onde todos possuem ideias e ideais semelhantes. É preciso quebrá-las, conversar com pessoas de pensamentos diferentes. Compartilhar e aprender é crescer.

A DOBE, enquanto marca minimalista com propósito sustentável e agregador, quer continuar fomentando a cultura e os produtores locais através da moda, dos seus espaços físicos (112 sul e 102 norte) e das suas redes sociais. Queremos dar luz a projetos com significado, projetos que acrescentam para a sociedade. Queremos ser um portal, um hub de ideias e de mudanças. 

E você? O que quer para a nova década?

Por uma vida mais simples

Iniciada em 2015, a campanha do Setembro Amarelo tem como objetivo debater e colocar em foco o suicídio, causa da morte de quase 800 mil pessoas por ano, segundo a OMS – Organização Mundial de Saúde. No mês que se volta às discussões sobre saúde mental, depressão e ansiedade, acreditamos que a moda – e a DOBE – podem ser um espaço e uma ferramenta para o diálogo. É importante colocar o assunto em pauta para que informações sejam disseminadas e possamos fazer o mínimo, levando conhecimento e, quem sabe, evitando o pior.

Enquanto marca jovem e minimalista, a DOBE se coloca a refletir sobre o ambiente em que está inserida e sobre o público para o qual cria. Os nossos clientes, em sua maioria adultos de 18 a 35 anos, são os maiores afetados pela ansiedade e pela depressão. A quantidade de informação disponível nas nossas mãos – já que o celular virou uma extensão do nosso corpo -, o imediatismo e a urgência, as cobranças, a FOMO (fear of missing out), estão nos transformando a nossa saúde mental e física. 

Nos colocamos, diariamente, em situações que não conseguimos lidar: excesso de trabalho, excesso de estudo, excesso de atividades sociais… Tudo o que deveria fazer bem para nós está nos prejudicando. É preciso reconhecer nossas limitações. É preciso tirar um time off.

Colocamos aqui nossa intenção de ter uma vida mais simples e mais leve. Sabemos que todos já tem ‘to do list’ intermináveis, portanto, não queremos te dar mais tarefas, e sim te convidar a incorporar práticas no dia a dia para que sua mente e seu corpo fluam melhor. 

  • Tente dormir pelo menos 7h por noite.  Acredite, se sua a cabeça e seu organismo não estão descansados, nada fluirá. 
  • Estipule um tempo para mexer no celular. Durante o dia, checamos as redes sociais incontáveis vezes: em filas, no trânsito, no trabalho, na aula, na academia…. Que tal reservar um momento se atualizar e evitar estar constantemente logado?
  • A meditação pode ser desafiadora, mas seus benefícios são incontáveis. Para começar, tire 5 minutos por dia para descansar a mente e vá aumentando aos poucos. Clareza nos pensamentos e foco são alguns dos bônus. 
  • Aprenda a dizer ‘não’. O bar com os amigos, a confra da firma, o treino com o melhor amigo e a demanda do trabalho podem ficar para outro dia. Tire um tempo para você descansar o corpo e a mente.
  • Exercícios físicos não fazem bem apenas para o corpo: são aliados de uma mente sã, graças aos hormônios liberados. Mas, encará-los como uma obrigação não é o ideal, por isso escolha atividades que tragam prazer.
  • Por último, se lembre de curtir a vida e de não levar tudo tão a sério. Tá tudo bem! 

 

Mais uma edição, mais transformação

O Street Store DF organizou, em maio, o evento que tem como objetivo montar um shopping aberto para que pessoas em vulnerabilidade social escolham o que querem e não paguem por isso. Na décima edição, além da loja, outras duas frentes foram trabalhadas: a assistência social e cultural. As roupas foram dispostas para lembrar um shopping de verdade, divididas nas seções feminina, masculina e infantil, com os voluntários prontos para ajudar.

Graças a parceiros que acreditam no projeto, o evento contou com salão itinerante, shows de artistas de diversos gêneros musicais, recreação infantil e personagens fantasiados de super heróis e princesas. Outro ponto alto foi o estúdio montado pelo fotógrafo Marcelo Veras e voluntários, que tiravam fotos dos participantes com a família e amigos e revelavam na hora.

Também foi montada uma praça de alimentação com foodtrucks que ofereceram massas, hambúrguer, crepe e hotdog. Com uma pegada limpa e consciente, o Copos Eco entrou como parceiro e evitou, apenas neste evento, o desperdício de 2.000 descartáveis.

Os integrantes da banda Scalene são padrinhos do evento; Gustavo e o Tomas Bertoni marcaram presença no evento, assim com a influencer Titi Müller. A décima edição foi um marco do crescimento do projeto, que agora conta com mais voluntários e com uma rede que o possibilita ajudar mais pessoas: a primeira edição teve 300 beneficiados e a décima 1500.

O relacionamento com a DOBE começou na 8ª edição, realizada no Itapoã, e continua forte. O projeto e a marca possuem uma afinidade de propósitos, além de acreditarem na filosofia “menos é mais” de um consumo consciente e uma moda colaborativa. A sinergia de valores e a vontade de gerar impacto social relevante mantém essa parceria. Que venham as próxima edições!

 

Da esquerda para direita – Luara, Ruth e Jamile, voluntárias do Street Store. Foto: Fernanda Coutinho

Moda x Meio Ambiente

A moda, que por muitos é vista como uma ferramenta de expressão, é na verdade uma grande indústria que emprega mais de 60 milhões de pessoas ao redor do mundo. No Brasil, a indústria têxtil é a segunda maior geradora de emprego, perdendo apenas para o setor de alimentos e bebidas, faturando um total de US$ 51 bilhões, segundos dados da Abit – Associação Brasileira da Indústria Têxtil e Confecção.

Um lucro tão alto acompanha um alto impacto ambiental: uma plantação de algodão, por exemplo, requer tanta água que uma simples camiseta branca necessita de 2000 litros para ser produzida. Segundo relatório da Fundação Ellen MacCarthur sobre o tema, a produção de moda gera atualmente 1,2 bilhões de toneladas de gases de efeito estufa por ano.

A Fundação Ellen MacCarthur é uma instituição que visa incentivar a economia circular, filosofia que também baseia a DOBE. A economia circular tem como objetivo minimizar o impacto humano no meio ambiente, substituindo o processo produtivo linear pelo processo circular, onde os resíduos são insumos para a produção de novos produtos.

O conceito de reaproveitamento e a busca pela redução do impacto ambiental é uma premissa para todas as marcas que querem se manter no mercado, já que a veia sustentável não é mais um diferencial e sim uma obrigação. A DOBE se firma neste segmento através do upcycling e da criação de tecidos tecnológicos/sustentáveis, como o feito a partir de garrafa pet da camiseta Designing Freedom. Nós estamos fazendo nossa parte, e você?

 

Women’s Entrepreneurship Day

No dia 19 de novembro é celebrado ao redor do globo o Dia do Empreendedorismo Feminino. Essa data é importante pois celebra, divulga e incentiva a inserção de mulheres no mercado de trabalho e na ocupação de cargo de liderança.

É uma data que celebra mulheres que não se limitaram e conquistaram lugares de destaque; mulheres que comandam empresas próprias; mulheres transformam seu conhecimento e sua garra em seu diferencial.

Infelizmente, sabemos que muitas mulheres ainda não tem oportunidades de galgar seu lugar, por isso iniciativas como a WED Brazil são tão importantes: presente em 145 países, empodera e apoia mulheres nos negócios para reduzir a pobreza global.

No dia 13 de novembro, a ONG organizou o evento WEDO e a DOBE entrou como parceira, assim como a Embaixada dos Estados Unidos, a agência criativa 5561 BrandBoutique, o centro auditivo Maximus, entre outros.

Foram celebradas as histórias e trajetórias de mulheres como Alessandra Del Debbio, VP Jurídica da Microsoft, e Ana Fontes, fundadora e presidente da maior rede de apoio ao empreendedorismo feminino no Brasil.

A WED Brazil também apresentou o ViraVida, escolhido como projeto que receberá apoio da ONG para continuar mudando a realidade de tantas meninas do Distrito Federal.

Iniciativas para celebrar e se orgulhar!

 

Foto: Adauto Menezes

Reconectar

A revolução informacional trouxe inúmeros avanços para a sociedade moderna, mas também alterou drasticamente nosso modo de vida: nós estamos cada vez mais apressados, mais estressados e, consequentemente, mais doentes. A busca pelo foco e pela calma está transformando a meditação em uma prática comum.

Entre os benefícios da meditação, podemos listar a redução do estresse, aumento da felicidade e do bom humor, melhora na qualidade do sono e redução do risco de doenças crônicas.

A DOBE, com sua filosofia ‘menos é mais’, acredita que atividades como a meditação devem ser incorporadas ao dia a dia, afinal nosso cérebro é o nosso centro e apenas com a mente limpa somos capazes de sermos nossas melhores versões e de atingirmos nosso maior potencial.

Se meditar ainda parece algo distante, a DOBE indica:

 

  • App “Headspace”: O aplicativo, grátis nos primeiros 30 dias, te guia na prática da meditação. O narrador dá dicas e te introduz ao universo do mindfullness.

Disponível na Apple Store e no Google Play.

 

 

  • Playlists e podcasts: O Spotify possui diversas playlists prontas com sons relaxantes e próprios para ajudar na técnica de relaxamento. Existem também podcasts sobre o assunto, valendo ressaltar o “Medita!”, totalmente desenvolvido no Brasil que oferece meditações guiadas, mantras e reflexões.

Acesse a playlist aqui.

Agentes da mudança

O ano era 2014, o local a Cidado do Cabo, na África do Sul e o protagonista o projeto Street Store. Com a ideia de criar uma loja a céu aberto para que as pessoas encontrassem roupas e sapatos, o Street Store organizou um evento em que as pessoas em situação de rua escolhessem o que quisessem e não pagassem por isso. Em apenas um dia de evento, 3.500 pessoas foram amparadas.

Vídeo sobre o projeto:

A ação virou movimento e atravessou fronteiras: são mais de 700 lojas pelo mundo. O Distrito Federal é um entre tantos outros que estão fazendo a diferença e lutando por uma sociedade menos desigual. Os números são gigantes: 3.240 pessoas atendidas desde 2015; 13,5 toneladas de doações (entre roupas, sapatos, brinquedos e cobertores); 370 voluntários; 50 parceiros do setor privado apoiando o projeto.

A primeira ação desenvolvida na capital foi em 2015, no Recanto das Emas. Devido ao sucesso, a equipe organizadora decidiu tocar o projeto e atender outras comunidades do DF. Para suprir outras necessidades, o time do Street Store buscou acrescentar uma equipe de assistência e incentivar a educação e cultura. São oferecidos serviços de beleza, alimentação, saúde, pocket shows, mediação de leitura e oficina sustentável, onde são ensinadas as práticas do plantio e da compostagem.

A DOBE se orgulha de poder participar de um projeto tão grande e importante. Acreditamos em todos que procuram olhar além e se dispõem a ser agentes da mudança. Estamos apoiando a 8ª edição do evento, que desta vez beneficiará a comunidade do Itapoã.  Com atividades de assistência, educação e cultura, além da loja solidária, a edição acontecerá no dia 10 de novembro, das 15h às 18h, no CEF Dra. Zilda Arns.

Para mais informação sobre o projeto e suas ações, acesse: o site, a página do facebook, o instagram  ou o twitter

Com propósito

Se concentrar no que é importante, promover o consumo consciente e desenvolver a economia local. A DOBE aplica seus traços em tudo o que produz e nada mais natural que procurar parceiros com filosofias semelhantes, como aconteceu com o Pano Social.

O projeto Pano Social, criado produtora de moda Natacha Barros e pelo designer Gerfried Gaulhofer, tem como foco a responsabilidade socioambiental e produz roupas, uniformes e acessórios com matéria prima ecológica e processos produtivos sustentáveis, empregando ex-detentos como uma ressocialização e diminuição da reincidência criminal.

‘‘Sustentabilidade é questão de sobrevivência. É ultrapassado olhar e vestir moda sem a percepção que a maior tendência é a essência. Acreditamos que cada movimento nosso, o que usamos e comercializamos são responsabilidade nossa. Nossos hábitos e costumes ditam nossas crenças. Nosso destino está interconectado com todos os outros. Sabemos a marca que estampamos no mundo.’’

A DOBE se uniu ao projeto para desenvolver as peças da coleção cápsula Astrologia e se orgulha de ter participado de uma iniciativa tão especial e com tanto potencial de crescimento. Para entender mais sobre o projeto, assista: